17.6.11

Sapatos de Corrida



As imagens que vos apresento, retiradas do site da Proteste, dá já os conselhos necessários para quando forem adquirir uns sapatos para correr, saibam ao certo o que irão comprar.

Clicar na Imagem e depois nos números

Saber o que é ser pronador, neutro ou supinador, basta olharem para o sapato de passeio que utilizam frequentemente. Se o gasto do tacão for muito GRANDE do lado de fora será por certo um pronador, se o gasto do tacão for do lado de dentro é supinador, se o gasto é mínimo é neutro (as imagens são elucidativas).

É importante saber que tipo de pé temos, para comprar o sapato adequado.
O sapato deve ser sempre comprado ao fim do dia e nunca pouco depois de se levantar. Durante o andar o pé aumenta de volume e é esse aumento de volume que vai ocasionar as tais lesões nos pés, como unhas negras, bolhas de água ou de sangue, caso compremos sapatos em alturas inadequadas.

Depois de escolhido o modelo (não vale ser o último “grito” da moda, muitas vezes são caros e o efeito é nulo), há que calçar os dois sapatos, chegar o pé à frente de forma que toque na frente do sapato (que toque e não que dobre os dedos dos pés. Atenção às meias, se escolher um sapato com meias finas serão SEMPRE estas meias a utilizar e não meias grossas. É que a grossura da meia também faz a diferença na escolha do sapato). Encostado o pé à frente, colocámos o dedo indicador entre o calcanhar e o contra-forte atrás. Se o dedo entrar bem (não muito folgado, nem muito justo) é o sapato ideal (atenção que tem que ser o mesmo nos dois pés, pois os nossos pés também diferem um do outro).

O sapato terá que se “fazer” ao pé. Não é comprar hoje e correr com eles amanhã. Tem que ter uma rodagem de cerca de um mês para que o pé se habitue às características do sapato e o inverso também.

Para quem não é corredor tipo profissional, o melhor sapato a comprar é o MISTO, tanto dá para treinos como para corridas. Utilizei diversos tipos de sapatos para provas e para treinos, agora utilizo estes, o meu tempo de glória já passou.

Nunca se deve lavar os sapatos de corrida na máquina de lavar, devem sempre ser lavados à mão com água tépida e sabão azul e branco. Nunca devem ser secos nem na máquina de secar nem ao sol, sempre à sombra. O mesmo para as meias próprias para correr.

Até Breve!

_______

3 comentários:

João António Melo disse...

Belas dicas, amigo Mário. Tenho 3 unhas dos pés negras, os conselhos são sempre vindos, principalmente de quem "já cá anda" há muitos anos. Um abraço!

Atletismo Valejas disse...

Não fazia a minima ideia que não se posiam lavar os tenis na máquina...eu sei quem não vai gostar desta dica...:)

joaquim adelino disse...

Então boas férias e não te esqueças em Agosto de aparecer em Óbidos para a Noturna do Serrazina.
Como ainda ando muito coxo vou ficar pelos 25 kms.
Abraço.