17.5.10

Ao Som de Boleros

Aqui, sozinho, ao som de músicas que fizeram parte do meu passado feito presente, relembro tempos em que a areia era uma das componentes da minha vida, pois rara era a semana que não pegava na toalha e, de chinelo no pé, desandava para uma das minhas praias morenas da costa, da terra que me viu crescer… Luanda.

Costa da Caparica, "II Meia-Maratona da Areia", organização do “Mundo da Corrida”, a mesma que apadrinhou o meus primeiros trilhos em “Terras de Sicó”.


O ano passado, pesando 83kg, só me tinha aventurado nos 10km de caminhada que terminei na companhia do Hamilton Dias. Com esse peso, só mexia os olhos pois correr em areia era quase missão impossível e só a ajuda do Hamilton fez com que acabasse a prova com dignidade.

Dia 16 de Maio de 2010, com a presença dos amigos Vladimir e Paula, a mulher, filhota e genro, quase um ano depois (a prova do ano passado foi no dia 24 de Maio), de novo na Costa. Agora com 74 kg, já não só os olhos mexem como todo o resto do corpo. Ali estou com os companheiros que durante este ano, prova a prova, contribuíram para que pudesse estar ali mais seco, mais atleta, mais capaz de mim mesmo. A família Almeida, a do Veloso, a família Mota, o clã Adelino, o Fábio e o Hamilton, o Carlos Coelho, o Fernando Andrade, o Joaquim e o Pedro Ferreira, a Otília (o Brito esteve ausente) e tantos outros, fizeram que o gosto pela corrida surgisse, mas agora noutra vertente, apreciar o que de belo tem estas provas fora da componente classificativa. E assim foi com mais esta prova na Costa. Uma prova dura, em certos locais o correr era em areia solta, mas os desafios existem para serem vencidos. Se inicialmente comecei com o amigo de muitos anos o Américo Lopes, foi com o Pedro Ferreira, este um amigo mais recente que, como na prova de Coruche, acabei no tempo de 2h01’22’’, que considero excelente, embora em certos momentos tivesse andado, e só com o incentivo do Pedro é que acabei com a tal dignidade que tinha acontecido no ano passado com o Hamilton na caminhada.

A terminar a prova


Depois foi um mergulho com o Pedro, a água fria estava ótima para recuperação dos músculos doridos.



Dois reparos à organização. Pedir para colocar o lixo é fácil, agora ter que subir a areia solta para colocar nos contentores que estavam metros acima do nosso percurso é que é difícil, e eu cumpridor das regras de bom comportamento ambiental lá subi o que me desgastou bastante.

Outra observação é também a colocação dos marcos quilométricos, tão longe estavam que só um olhar de lince é que os divisava. Os romanos colocavam os marcos na berma da calçada de passagem das suas legiões que faziam as Geiras carregados que nem mulas.

Parabéns à equipe da CyberRunners, na qual eu fazia parte, pelos lugares alcançados.


O almoço do III Meeting Blogger, que reuniu toda a “família” da escrita de blogues (muitos deles desconhecidos para mim), decorreu num ambiente fantástico. Há que agradecer ao Fernando Andrade (que leu uma missiva enviada pelo Prof. Mário Machado, director da "Revista Spiridon", que apadrinhou esta iniciativa) e Joaquim Adelino, toda a logística e a surpresa final da leitura dos pequenos trechos de temas colocados em cada um dos blogues dos presentes e a identificação do autor. Pela parte que me toca, sensibilizou-me muito a leitura do pequeno trecho do meu tema «O Treino e o Silêncio» pois foi ali, no meu pequeno recanto, em contacto com a natureza, que recomecei a correr.



Uma nota final, as polainas (ver tema anterior) portaram-se muito bem, nem uma areia entrou no ténis, mas a prova dos nove será agora na Geira Romana.



Classificações
~ Outras Fotos ~
(Obrigado a todos os amigos(as) fotógrafos(as) pela brilhante reportagem fotográfica)




Isabel Almeida Joaquim&Antónia Ferreira - I
Ruth VelosoJoaquim&Antónia Ferreira - II

11 comentários:

Anónimo disse...

Grande Mário
parabéns pela prova, pela dedicação, pelos resultados ao nível da saúde e do bem estar, e pelo grande estilo no mergulho, com esse ar radiante parece quase Copacabana depis de um treino com o Jorge Maratonista Brasileiro :)

E ... OBRIGADO pelas passagens lá nas tartaruguices, valem pelo alento que passam!

abraço
AB - Tartaruga

JAM disse...

Olá Mário, esta calculo que deve ter sido bem dura, pois só andar na areia já custa que fará correr, mas o Marius está habituado a grandes desafios e não vira a cara à luta. Para a prova que foi fizeste um bom tempo. O banhinho no final também deve ter caído que nem ginjas...Parabéns por mais este registo!

Fábio Pio Dias disse...

Olá amigo Mário,

Que belo almoço e momento de confraternização que o amigo Joaquim e Fernando proporcionaram a todos nós, como sempre é com imenso gosto que brindou -nos com a sua agradável presença.

Não perde pela demora, não pense que esqueci-me do que fez-me passar com a 1/2 da Setúbal:-))

Um grande abraço duplo e boa prova na Ultra, que nos veremos Entre a Serra e Mar

Pedro Ferreira disse...

Mário,
Obrigado pela companhia!
Após ver as fotos, particularmente aquela em que estamos a banhos, o meu receio é que não tenhas descanso com as solicitações que vais ter! ;)

Vitor Veloso disse...

Companheiro,
Bom saber que contribui para que voltasse a ter a paixão/alegria de correr. Eu diria o mesmo o amigo Mário por perto é um estimulante para que tudo corra bem, sua alegria nos contagia, obrigado Mário.
Um prazer conhecer sua esposa, tentar incentiva-la em nos acompanhar.
Quanto ao encontro foi um dia maravilhoso cheio de concretização, família unida e outra loiça.
Agora temos a Geira, lá estamos de novo juntos para mais uma dura tarefa, tudo vais correr bem.
Boa semana, e descanse.
Bjs da Meninas
Grande abraço
Vitor Veloso

Anónimo disse...

Grande Mário
um ano depois voltámos a viver bons momentos na areia da Costa, um ano em que nos cruzámos em muitas ocasiões, um ano em que se estreitou a amizade entre nós, por tudo e também pelo dia do último domingo dizer-te que é uma honra ter-te entre os companheiros amigos da corrida e da blogosfera.
Quanto ao dia de domingo quase tudo foi dito, estão de parabéns não só os ilustres organizadores deste III Meeting como todos os que contribuiram para o caminho feito até agora, onde claro teremos que destacar o Mota, o Miguel, o Meixedo e o Romão e incluir todos os que já estiveram presentes quer em tomar, quer na Invicta, quer agora na Caparica.
Grande abraço e até sábado.
Beijo da Isabel e da pequena bailarina.
António

José Alberto disse...

Olá Mário,

Foi com muito gosto que o conheci pessoalmente.

Vamos a ver se de futuro os encontros são mais frequentes.

Abraço

José Alberto

joaquim adelino disse...

Olá /Comando, Deve ter sido dos momentos em que não te liguei mesmo nada, mas se calhar todos têm razão de queixa, eu que costume ser um besouro mesmo daqueles que fazem muito barulho, e quanto eu gostaria de ter conversado com o grande Serrazina e das suas aventuras por montes e vales por esse Mundo fora, com o José Magro e os seus Peregrinos e Rondas, com o Paiva e as suas paixões pelas lambretas, com o Romão, meu camarada de armas e as muitas histórias que ele eu temos para contar, contigo caro Mário que ainda não me explicaste as tuas aventuras por terras romanas, com o Fernando Andrade para saber como consegue dormir descansado sem pensar em Atletismo, com o José e a sua motivação num sítio muito bonito de Portugal e onde chegamos apenas pela NET, com o Vitor Dias e a sua apetencia e intelegência na condução de um maravilhoso Site, com o "grande" João meixedo, amigo dos sete costados e saber se o meu sobrinho Paulo Sérgio serve ou não ao seu Sporting, com o Mark Velhote para saber as origens de tão estranho nome, de Mark ainda vá agora de velhote é que ele não tem nada, com o Jorge Branco e ouvir a sabedoria de tantos anos nesta roda, com os outros amigos que vieram do Porto, nomeadamente com o Lobo, que poço de energia a falar, com a Otília e saber como é que ela consegue arranjar tanta energia para enfrenter a sua tão atarefada vida, com o António e o Veloso acerca da nossa aventura na Geira Romana na próxima Semana, com o Paulo Martins que pouco conheço e saber como é que aparece ligado aos Leões com um nome tão esquesito, com a Susana sobre a corrida que acabara de vencer e mal tive tempo de a felicitar, com o Daniel que estava ali um pouco atrapalhado e eu também não lhe liguei nenhuma, com o Pedro Ferreira e tentar preceber de onde vem tanta energia e simpatia que contagia quem está à sua beira, com o Joaquim Ferreira homem de grande coração e espalha alegria e amizade para com todos, com o grande Orlando Duarte que para além da corrida partilha das preocupações pelos destinos e caminhos que vamos percorrendo, com o Ricardo Batista e a sua vida Insular e tudo o que o rodeia naquelas bonitas paragens, com o simpático Fábio e o Hamilton, tanto que eu gostava de saber sobre eles e o seu dia a dia. Pois é amigo Lima, não te liguei nenhuma, e que dizer de todos estes amigos? tê-los todos ali à mão e não desfrutar de uma boa conversa e companhia, ficou-me o prazer de os poder servir com o melhor dos carinhos e a satisfação de ver nos seus rostos o brilho de terem dado por bem empregue a sua disponibilidade e dedicaçaão a mais esta festa de confraternização. A mim, olha, resta-me esperar que da próxima vez possa ser "livre" e chatear, chatear/.../.../...
Sobre a Geira não falo aqui, temos tempo no Sábado, vai ser giro, isso vai!!!!!!!
Abraço

MPaiva disse...

Mário,

Mais uma vez foi um prazer ter estado consigo e constatar, mais uma vez, essa enorme costela poveira (ou "polaca" como dizemos aqui na Vila) e o orgulho de a afirmar a cada momento, mostrando que as raízes dos homens nunca desaparecem!

abraço
MPaiva

JOSÉ LOPES disse...

Olá Mário

Excelente forma física, para enfrentar todos estes difíceis desafios.(passados e futuros)

Pelo que vi pelas palavras e fotos em vários blogues (e neste)foi uma manhã de domingo muito bem passada, com um almoço convívio muito agradável com "gente" das corridas.
Com os cumps
J.Lopes

ana paula pinto disse...

Mário,

Até as notas de música que acompanham as "notas" de Quem corre Hoje, são agradáveis...

Que dizer desse dia de Domingo? (apenas, pena de não ter estado.)

Ana Paula Pinto